Notícias

A curvatura peniana interfere nas relações sexuais?

Curvatura peniana Interfere nas relações sexuais?

A curvatura peniana é extremamente comum entre os homens. Estudos mostram que todos os homens quando estão em estado de ereção apresentam algum grau de curvatura, e ela é absolutamente normal quando o desvio em relação ao eixo central é de até 20 graus. Porém, quando passa disso, podem surgir diversas complicações, inclusive durante as relações sexuais. É desta temática que trataremos neste texto.

Qual a prevalência da curvatura peniana patológica?

Mesmo a curvatura peniana patológica, isto é, acima de 20 graus, é muito comum entre os homens. Estima-se que um a cada dez homens apresente o problema, que pode ser congênito (ou seja, de nascença) ou adquirido. Existem diversos tipos de curvatura, e cada uma tem sua respectiva abordagem por parte do profissional urologista.

Curvatura congênita

Quando a curvatura já nasce com o homem, a causa é a assimetria congênita existente nos corpos cavernosos, que são dois “cilindros” que se enchem de sangue no momento da ereção. Esta assimetria faz com que o pênis, no estado de ereção máxima, passe a se curvar em direção ao lado mais curto. Também é importante salientar que o aspecto da curvatura varia bastante, seja sobre o lado para o qual o pênis fica virado, e a intensidade da curvatura em relação ao eixo central.

Nos casos de curvatura congênita, podem ser realizadas cirurgicamente:

Plicatura peniana, que consiste na aplicação de pontos no lado mais longo dos corpos cavernosos (acarretando certa diminuição do pênis). Por este motivo, esta técnica tende a ser mais usada em curvaturas mais brandas e em homens com o pênis acima da média.
Corporoplastia com enxerto, a qual utilizamos tecidos sintéticos ou tecidos extraídos do próprio paciente como enxertos, para que o lado curto do pênis seja alongado fazendo com que não haja perda do comprimento peniano após a correção da curvatura. Esta técnica costuma ser utilizada para curvaturas mais intensas e/ou para homens que tem o pênis abaixo da média ou ainda para homens que não desejam nenhuma perda de comprimento, independente da medida peniana previa a correção.

Doença de Peyronie

A doença de Peyronie é um sinônimo para curvatura peniana adquirida. É oriunda de uma série de microtraumas sofridos pelo órgão ao longo da vida sexual, levando-o a um processo de cicatrização assimétrica que termina na curvatura do pênis. Existem diversos graus da doença e podem ocorrer curvaturas severas. Na chamada fase aguda, a curvatura ainda está em desenvolvimento, e costuma-se indicar medicação oral e extensores penianos, a fim de realizar o tratamento dos sintomas e melhorar o ângulo final da curvatura. Já na chamada fase crônica, o pênis já atingiu o grau máximo de curvatura, de modo que é indicada a intervenção cirúrgica na maioria dos casos.

Além dos procedimentos citados acima para as curvaturas congênitas, também podemos citar o implante de próteses penianas semirrígidas ou flexíveis, geralmente quando a curvatura está associada à disfunção erétil ou quando há deformidades graves (curvaturas em ampulheta ou perda importante do comprimento peniano) O implante de uma prótese pode não somente recuperar o comprimento prévio à doença como também aumentar efetivamente o pênis.

A curvatura atrapalha as relações sexuais?

Realizadas todas essas explicações, fica fácil concluir que, a depender do nível da curvatura, pode haver, sim, comprometimento do desempenho nas relações sexuais. A começar pelos próprios sintomas de dor, que ocorrem já na chamada fase aguda, quando a curvatura está em desenvolvimento. Além da dor, a intensidade da curvatura atrapalha muito a penetração, podendo até mesmo impedi-la, em casos mais severos. A ereção pode ser prejudicada, tendo em vista que a curvatura adquirida trata-se de um processo inflamatório do pênis estando fortemente associada a disfunção erétil. Além de todos estes fatores, o constrangimento ocasionado pela curvatura faz com que muitos homens deixem de procurar novos parceiros/as.

O Dr. Luiz Augusto Westin está à disposição para lhe atender!

O Dr. Luiz Augusto Westin, urologista especializado em urologia reconstrutora com consultório no Rio de Janeiro, tem vasta experiência no atendimento de casos relacionados à curvatura peniana e a muitos outros problemas.

Leia mais notícias

Comunicado

WhatsApp