Notícias

Aumento peniano: é possível?

Aumento peniano | DR. LUIZ AUGUSTO WESTIN

Os padrões de beleza criados pela sociedade não afetam somente as mulheres. Os homens também sentem-se pressionados por algumas questões que envolvem a estética, principalmente quando trata-se do tamanho do pênis. Com o hábito da comparação, muitos sentem-se incomodados por acreditarem ter o órgão genital menor do que deveria ser. Insatisfeitos com o tamanho, muitos buscam alternativas para que o órgão genital fique maior. Alguns, inclusive, procuram por dicas na internet. Porém, é necessário estar atento, pois, ao realizar técnicas erradas para o aumento peniano, pode-se correr riscos. Mas, será que é possível conseguir aumentar o pênis?

É possível realizar aumento peniano?

Constrangidos pela pressão de ter um pênis grande, a maioria dos homens que procuram técnicas para o aumento peniano têm o tamanho considerado normal e sem problemas anatômicos. Ou seja, eles buscam métodos unicamente pela questão da aparência. No entanto, efetuar esses processos sem orientação adequada pode causar resultados negativos, como deformidades, dor, disfunção erétil, infecções, danos nos nervos e tecidos e, até mesmo, depressão. Além disso, esses meios compartilhados na internet não têm comprovação alguma de que realmente aumentam o pênis.

Para ter uma melhor harmonização do órgão masculino, é fundamental buscar um médico especialista em urologia reconstrutora, pois ele irá realizar procedimentos seguros à saúde do paciente e indicados para cada caso. Antes de tudo, é necessário ter a ciência de que a região genital do homem não é apenas a haste peniana, como muitos acreditam. Porém, ela é formada pelas seguintes partes: pênis, gordura pré pubiana, pelos pubianos, escroto e face interna da coxa. Os métodos, tanto clínicos quanto cirúrgicos, utilizados pelo urologista irão integrar toda a área genital.

Em quais casos os procedimentos para aumento peniano são recomendados?

Como a maior parte dos homens sempre está em busca do aumento peniano, é importante destacar que nem todos podem realizar os procedimentos disponíveis na atualidade. Tratamentos e técnicas cirúrgicas são sempre indicadas para aqueles que possuem diagnósticos de micropênis, casos graves de hipospádias, epispádias, pênis embutido, retrações ou encurtamentos resultantes da Doença de Peyronie, amputações totais ou parciais para o tratamento do câncer ou traumatismos. No entanto, homens sem nenhum desses problemas, mas com a autoestima afetada, podem procurar um urologista para que seja avaliado.

Quais os métodos e as cirurgias para aumento peniano?

Com o objetivo de harmonizar a região genital masculina, há procedimentos que proporcionam uma aparência de aumento peniano e devem ser realizados por urologistas reconstrutores.

Apresentamos abaixo algumas técnicas que são aplicadas em homens saudáveis que desejam ter o pênis maior e mais grosso. Além disso, elas também podem ser utilizadas em pacientes com doenças genitais, como a curvatura peniana e o pênis embutido.

Cirurgias para alongamento da região superior do pênis:

  • Dermolipectomia suprapúbica;
  • Lipoaspiração suprapúbica;
  • Lifting genital.

Procedimentos para alongamento real da haste peniana:

  • Secção do ligamento suspensor do pênis;
  • Terapia de tração peniana;
  • Implante de prótese com técnica para alongamento peniano.

Métodos para engrossamento peniano:

  • Flap de dartos;
  • Enxerto de gordura na haste peniana;
  • Enxerto de ácido hialurônico na haste peniana.

Técnicas para redução do escroto:

  • Escrotoplastia redutora;
  • Ressecção da bandeira peno escrotal.

Conte com um urologista reconstrutor para o aumento peniano

O desejo masculino de realizar métodos para o aumento peniano é válido. No entanto, é fundamental que tais técnicas sejam realizadas e acompanhadas por um urologista especializado em urologia reconstrutora, como é o Dr. Luiz Augusto Westin. Com formação acadêmica e experiência profissional, ele executa todos esses procedimentos com abordagem integral da região genital. Agende uma consulta e seja atendido em um dos consultórios do Dr. Luiz Augusto Westin, localizados no Centro do Rio de Janeiro e no Leblon.

Leia mais notícias

Comunicado

WhatsApp